Pesquisar este blog

CARNAVAL CARIOCA – O melhor carnaval do mundo – Ano 8

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Estação do Samba desponta como novo ‘point’ de Duque de Caxias

Inaugurado há uma semana pela Secretaria de Cultura e Turismo de Duque de Caxias, o projeto Estação do Samba parece ter caído no gosto da população. Logo na noite de estréia, no dia 11 de fevereiro, mais de 1.500 pessoas procuraram pelo espaço, localizado no Forró na Feira, junto à Estação Ferroviária do Centro. Além de cobertura, o espaço vai contar com climatizadores – ventiladores com aspersores de água -, para amenizar o calor neste período de verão, terminais de Internet, além de microcomputadores disponibilizados para os freqüentadores, para navegar na internet, baixar e enviar e-mails e também se comunicar on-line com parentes distantes.
A Estação do Samba dispõe de uma praça de alimentação com 16 quiosques de bebidas e comida. A capacidade do espaço é para receber até duas mil pessoas. A programação será às sextas-feiras, das 18 horas à meia noite, com apresentações de grupos de samba, pagode e blocos de carnaval, além da participação de cantores e compositores da cidade. A entrada é grátis.
O projeto tem, ainda, o objetivo de valorizar os artistas locais e gerar renda, além de estabelecer uma opção para o público do samba, que não tinha um espaço com esta especialização cultural. Para o secretário Gutemberg Cardoso, este á mais um ponto positivo para alçar Duque de Caxias ao roteiro cultural do estado. “É um espaço para apresentação de sambas de qualidade, para lembrar grandes cantores e compositores”, destacou. Fonte / prefeitura de Duque de Caxias 
Wantuir, da Grande Rio, lembrou vários sambas da escola

O evento de inauguração do projeto contou com a presença de conjuntos como Grupo Duquesamba e o Bloco Carnavalesco Esperança de Nova Campina, além de Beto do Cavaco, G. Martins e Cecília de Preto, todos artistas de Duque de Caxias. Uma participação especial causou frisson no público presente: a do cantor Wantuir da Grande Rio, que interpretou vários sambas da escola caxiense. Os artistas locais aproveitam os próximos finais de semana para divulgar seu trabalho para o público, até que a grade oficial de apresentações seja definida pela Secretaria Municipal de Cultura, quando passarão a dividir o espaço com grandes nomes do samba. 
O compositor G. Martins mostrou que também sabe cantar  e bem 

Nenhum comentário:

Postar um comentário