Pesquisar este blog

CARNAVAL CARIOCA – O melhor carnaval do mundo – Ano 8

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Véspera da tragédia da Grande Rio é marcada por grande ensaio

A bateria de Meste Ciça estava animada e não perdeu o ritmo
Nesta segunda-feira, 7 de fevereiro, a Escola de Samba Acadêmicos do Grande Rio passou por sua maior tragédia, com um incêndio que atingiu o bloco onde estava seu barracão na Cidade do Samba. A perda do material do desfile deste ano foi total, não restando nenhuma de suas sete alegorias e de suas 3 mil fantasias, num prejuízo de mais de R$ 7 milhões. Segundo o presidente da agremiação, Helinho de Oliveira, restando menos de um mês para o desfile no Sambódromo, não existe condições para se recuperar o que foi perdido, mesmo que exista um grande aporte de dinheiro para este fim. Helinho fez questão de afirmar que isso não impediria a Grande Rio de participar do desfile na Passarela do Samba. “Se permitirem, vamos desfilar mesmo sem adereços, sem fantasias. Só com o coração. Vamos mostrar a força de Caxias”, afirmou com orgulho.

Esse mesmo orgulho de ser Grande Rio havia dominado uma das principais avenidas de Duque de Caxias – a Brigadeiro Lima e Silva, no bairro 25 de Agosto –, no domingo, na noite anterior ao incêndio. No ensaio técnico mais animado e com a maior participação do público deste ano – acima de 10 mil pessoas – a escola de samba caxiense arrebatou corações e mostrou que, se dependesse da garra de seus 2,5 mil componentes, estava preparada para levar a taça de campeã deste ano, após ter ficado com a vice liderança do campeonato no ano passado.
 
Zito esteve no ensaio técnico e caminhou pela Ala das Baianas
O ensaio contou com o apoio da Prefeitura de Duque de Caxias, que disponibilizou agentes da Secretaria de Transportes e Serviços Públicos para orientar o trânsito e funcionários da Secretaria de Saúde que distribuíram camisinhas e panfletos orientando os foliões sobre doenças sexualmente transmissíveis. Duas ambulâncias também ficaram de plantão, caso fossem necessárias. A Prefeitura também dispôs de diversos banheiros químicos gratuitos que estavam localizados na Praça Humaitá.

Seguindo o costume, o prefeito Zito esteve presente ao ensaio técnico, cumprimentando foliões e componentes da escola de samba. Ele ainda recebeu os comprimentos do Mestre Ciça, responsável pela bateria, e de Wantuir, o intérprete da Grande Rio. O presidente Helinho estava presente. Agradeceu o apoio dado pelo prefeito Zito e destacou que neste ano a escola iria desfilar também no carnaval da sua cidade. A alegria e a energia que dominava a todos não deixavam margem para imaginar o desastre que ocorreria horas depois.

Nesta segunda-feira o prefeito Zito conversou com Helinho e marcou uma reunião com representantes da escola para ver o que pode ser feito para aliviar a tragédia. “A Prefeitura está sempre ao lado da Grande Rio, que é um dos maiores patrimônios de nosso município. Ela pode contar com nosso apoio e, tenho certeza, de toda a população de nossa cidade”, afirmou Zito.
 
As compenentes da Ala das Baianas da Grande Rio deram um show de coordenação

Nenhum comentário:

Postar um comentário